Que andar?

História mínima dentro do elevador

mãos femininas na mesa de café

A vida é rica

Entrei no mar. O mar saltou para dentro de mim. Caiu a chuva grossa, molhou a areia. Atravessei a pinguela sobre o rio. Bastou, estou feliz.

O amor, de onde vem?

Amar o que é? Se ensina, se aprende? Será que amar vem no DNA, nas proteínas, na corrente sanguínea? É vírus? É bactéria? Ou será panaceia?

140 batimentos

Faz tempos que acordo assustada, anoiteço tranquila. Anoiteço assustada, acordo tranquila. Responde para mim: sou um elevador ou uma pessoa?

Irmãs

A tristeza quando chega bate sem trégua. A alegria quando visita é mais fraca, não gosta de guerra. Já a tristeza posa de arqueira olímpica.