Ponha asas nos dedos pra voar

Acredita você pode

Foto da blogueira Foto da blogueira

10 toques pra escrever

1
Ter vontade e ventura de registrar em palavras fatos e emoções. Lembrando que qualquer fato envolve pessoas e seus pontos de vista. Todo ponto de vista vem embalado por uma emoção. Imparcialidade? Só no paraíso.

2
Escrever é recriar palco e plateia em frases. Então estude as relações sintáticas e semânticas, se gramatize. Nunca esqueça que há um sujeito, um verbo e um predicado. Jamais intrometa uma vírgula entre o sujeito e sua ação.

3
Toda menina que sonha em jogar futebol vai prestar atenção na Marta, na Cristiane, na Formiga. Se você quer ser um bom escritor presta atenção nos golaços do Machado de Assis, Mario Quintana, Clarice Lispector e um maracanã de outros escritores.

4
A matéria-prima da escrita são as palavras. Leia de tudo. Vale bula de remédio, balãozinho de histórias em quadrinhos, posts na internet, livros físicos e eletrônicos, recado da síndica afixado no elevador, bilhetinho de love.

5
Para o leitor mais importante do que o autor é o recado dado. Não se exiba, não se vanglorie. Exiba a ideia ou vanglorie a personagem. Mesmo quando você usa a primeira pessoa, é um outro eu que está falando.

6
Deixe-se influenciar, mas não plagie. Copiar e colar não funcionam na escrita. Imprima sua marca, aposte no seu jeito único. Genérico só é bom para remédio. Acredite na sua expressão verbal. De repente, ela é miudinha. Mas é sua!

7
Seja curioso. Observe o tempo todo. Quanto menos preconceituoso, mais proveitoso seu texto será. Risque e arrisque sempre. Não entre em clubes e nem vista modismos que grudem no seu nome. A liberdade é seu maior patrimônio.

8
Ninguém no universo pede que você escreva. As pessoas pedem engenheiros, caixas, médicos, pilotos, professoras. Escritor tem que seduzir, dizer a que veio. Seja honesto com você e com os leitores. Sucesso é consequência de um trabalho de qualidade e de tenaz persistência.

9
Só escreve bem quem gosta de gente. A tinta da caneta ou os bits do computador se alimentam das histórias que vemos, ouvimos, compartilhamos. Mantenha sua alma generosa.

10
Pronto, mãos ao teclado!

Leia também Reeditar-se


Tags: , , ,

Comente

4 respostas para “Ponha asas nos dedos pra voar”

  1. Ivana disse:

    Fernanda achei lindo o seu texto, direto, objetivo, com dicas ótimas para iniciantes como eu. O olhar da escritora sobre a arte de escrever.Parabéns

    • Fernanda Pompeu Fernanda Pompeu disse:

      Ivana, você não é uma exatamente uma iniciante. Mas tem razão: dicas – quando ancoradas na experiência – sempre ajudam. Beijo e obrigada pela leitura. Sempre.

  2. Josefa disse:

    Fernanda achei bem objetivo seu texto, suas palavras caíram como uma luva na minha singela vontade de escrever. Minhas ideias borbulham com o efervescente desejo de produzir algo! Obrigada, beijo!

Deixe uma resposta

Antes de enviar, por favor resolva a questão: *